#ChooseUltraje

Features

A Constant Storm: A história de “Nexus”

Joel Costa

Publicado há

-

upload

«A versão [da música] que ficou imortalizada no álbum [não é] mais do que uma das possíveis incarnações desta composição.

A Constant Storm é o projecto de death metal melódico / black metal do multi-instrumentista Daniel Laureano, também conhecido por desempenhar as funções de guitarrista nos Moonshade. Daniel falou-nos da história de “Nexus”, tema que integra “Storm Alive”, a mais recente proposta do portuense.

Composição do tema: «As melodias base foram compostas sob o título “The Floating”, por volta de Janeiro de 2014, ainda nos primórdios do projecto A Constant Storm. À data, o tema tinha uma outra roupagem, com muito menos intensidade instrumental, total ausência de conteúdo lírico e uma estrutura consideravelmente distinta da versão que acabou por entrar no álbum “Storm Alive” [2016].»

Título: «O título do tema, cujas letras foram compostas pelo Ricardo Pereira, meu colega nos Moonshade e vocalista convidado no “Storm Alive”, acabou por ser alterado do original “The Floating” pelo rumo que a temática geral do disco acabou por tomar, e representa um dos pontos iniciais da minha exploração dos conceitos que procurei tratar.»

Se funciona melhor ao vivo ou em estúdio: «Uma vez que A Constant Storm ainda não teve qualquer aparição em concerto não me é possível responder com exactidão, mas confesso que me parece um tema que seria muito forte num contexto ao vivo, pela qualidade ‘dançável’ dos ritmos largos e a atmosfera criada pelas melodias orientais.»

Temática da música: «O tema geral de “Storm Alive” é a dúvida existencial e a relação que uma pessoa estabelece com os seus próprios pensamentos e as suas próprias dúvidas sobre as questões para as quais não é possível ter respostas. “Nexus” representa o momento em que toda a torrente de dúvidas se instala definitivamente na mente do ser humano, o nexo da tempestade com que o mesmo se depara.»

Impacto na composição dos restantes temas: «O flavor oriental da composição teve uma influência bastante evidente, uma vez que acabou por lançar o mote para este aspecto que integra um grande pedaço da identidade sonora do disco. Em boa parte por ser a canção cujas bases existiam há mais tempo. Sinto que dela nasceu alguma medida de fio condutor, ainda que no sentido lato da palavra, que ajudou a conceber os restantes temas.»

Significado da música para a banda: «Pessoalmente, é um dos meus temas favoritos e um que ainda hoje em dia me interessa particularmente, pelas possibilidades transformativas que nele vejo, sobretudo o desafio de lhe tentar dar ‘vidas’ distintas, fazendo com que a versão que ficou imortalizada no álbum não seja mais do que uma das possíveis incarnações desta composição.»

O álbum “Storm Alive” pode ser adquirido através do Bandcamp da banda.

Features

Nuno Bettencourt, Tom Morello e Scott Ian tocam tema de Game Of Thrones

Diogo Ferreira

Publicado há

-

Consagrada como uma das séries mais populares de sempre, Game Of Thrones, que terminou na última madrugada, teve a capacidade de exultar nos seus fiéis seguidores todas as emoções desde o seu início com o genérico criado por Ramin Djawadi.

No clip abaixo, Djawadi é acompanhado por Dan Weiss (criador da série), Tom Morello (Rage Against The Machine), Scott Ian (Anthrax), Nuno Bettencourt (Extreme) e Brad Paisley numa jam session com as novas guitarras Fender em que tocam precisamente o tema principal de Game Of Thrones com muito free-style solista pelo meio.

Continuar a ler

Features

Sabaton History Channel, ep. 15: o Barão Vermelho

Diogo Ferreira

Publicado há

-

No novo episódio do Sabaton History Channel, Joakim Brodén e Indy Neidell escolhem falar do tema “The Red Baron” que pertence ao próximo álbum “The Great War”, a ser lançado a 19 de Julho pela Nuclear Blast.

O Barão Vermelho é um do ícones heróicos da I Guerra Mundial que, simultaneamente, engloba a mecanização e a romantização da guerra moderna com as suas habilidades e heroísmo. Manfred von Richthofen é o nome verdadeiro do piloto que é, então, recordado em mais um episódio do Sabaton History Channel.

Mais episódios AQUI.

Continuar a ler

Features

Jinjer ao vivo no Resurrection 2018 (c/ vídeo)

Diogo Ferreira

Publicado há

-

Foto: Veronika Gusieva

Abaixo podes assistir à prestação dos Jinjer no Resurrection de 2018. Recentemente disponibilizado pelo próprio festival, este vídeo servirá para aguçar a vontade que os fãs desta banda têm para os ver no Vagos Metal Fest deste ano. Nos quase 40 minutos de concerto, os Jinjer executaram temas como “Words Of Wisdom”, “I Speak Astronomy”, “Pisces” ou “Captain Clock”.

O EP “Micro”, lançado em Janeiro de 2019 pela Napalm Records, é o registo mais recente dos ucranianos que, como referido, actuarão no Vagos Metal Fest, evento que se realiza entre 8 e 11 de Agosto. Stratovarius, Six Feet Under, Satyricon, Candlemass, Death Angel, Watain e Alestorm são alguns dos nomes do cartaz.

Continuar a ler

Facebook

#UltrajeRadar

Ultraje #21