Forgotten Tomb “We Owe You Nothing” [Nota: 8/10] | Ultraje – Metal & Rock Online
Reviews

Forgotten Tomb “We Owe You Nothing” [Nota: 8/10]

fogotten-tomb-nothingEditora: Agonia Records
Data de lançamento: 27 Outubro 2017
Género: black/doom metal

Toda a discografia dos italianos Forgotten Tomb é dividida em trilogias e chegamos ao fim de mais uma com o adequado título “We Owe You Nothing”. Já é conhecido que o trio de Piacenza tem uma sonoridade muito própria, mas, e mesmo que experimentem isto ou aquilo a cada álbum que lançam, a sua imagem de marca suja e dissonante mantém-se firme – “We Owe Nothing Nothing” não é diferente. Algures entre black metal, doom metal, rock e algum punk, as seis faixas deste nono longa-duração expandem-se por riffs cativantes e sludgy que são prontamente abrilhantados por leads/solos melódicos (como na inaugural faixa-título) em contraste com toda a depressão que a banda quer fazer passar. E já que se fala em musicalidades depressivas, se calhar vale a pena referir que esta abordagem, assim como a dos suecos Shining, não se envolve em coisinhas bonitas e lances melodramáticos – aqui tudo soa a decadência, abandono, automutilação, pele a rasgar e facas a cortar, e quando não é pelo esgalhar granítico das guitarras é pela fúria vocal de Herr Morbid.

Se à partida este disco parecia condenado com o acidente do fundador no início de 2017, o seu lançamento só veio provar a existência da veia batalhadora de uma das bandas mais importantes de Itália. “We Owe You Nothing” é um álbum que se ouve em repetição e cada vez que rodar vai fazer com que certa guitarrada se torne sempre mais significativa para quem ouve – é, de facto, electrizante a esse ponto.

8/10
Topo