#ChooseUltraje

Notícias

[Nacional] Gwydion promovem campanha de crowdfunding para lançarem o próximo álbum

Diogo Ferreira

Publicado há

-

67d76ff1-ad6e-441b-9cb1-c2b7f51a33e2

Para darem um sucessor ao álbum “Veteran” (2013), os nacionais Gwydion rogam pela ajuda dos seus fãs através de uma campanha de crowdfunding iniciada no IndieGoGo. Podes aceder AQUI.

«Os fãs de Gwydion sempre nos arrebataram com o seu apoio», afirma a banda, «e sempre nos motivaram para continuarmos a fazer música e a dar concertos do caraças!» Como remate final, pedem aos fãs para se manterem por perto para este próximo álbum de modo a que todos possam participar na futura jornada.

Notícias

Bloodbath lançam vídeo para “Chainsaw Lullaby”

Diogo Ferreira

Publicado há

-

O aguardado novo álbum dos Bloodbath intitula-se “The Arrow of Satan is Drawn” e será lançado a 26 de Outubro pela Peaceville Records.

A poucos dias desse lançamento, e depois do lyric-video de “Bloodicide”, o projecto de death metal avança com o clip para “Chainsaw Lullaby”, uma proposta audiovisual que nos oferece vislumbres de cenas à filmes de Dario Argento.

Continuar a ler

Notícias

Lucifer’s Child apresentam lyric-video de “Fall Of The Rebel Angels”

Diogo Ferreira

Publicado há

-

Depois de “The Order”, os Lucifer’s Child, projecto que conta com membros de Rotting Christ e Chaostar, avançam com o lyric-video de “Fall Of The Rebel Angels”, que podes ver e ouvir mais abaixo.

O novo álbum do quarteto será lançado a 9 de Novembro pela Agonia Records.

Continuar a ler

Notícias

Caso Ghost é arquivado pelo tribunal de Linköping; Nameless Ghouls pagam custos legais a Tobias Forge

Diogo Ferreira

Publicado há

-

Foto: linkopingnews.se

Para além de o dia ficar marcado pelo lançamento do vídeo para “Dance Macabre”, conhece-se também o desfecho da luta judicial que opunha quatro Nameless Ghouls a Tobias Forge (aka Papa Emeritus, aka Cardinal Copia).

Sobre o processo instaurado em Abril de 2017 – e que levou Forge a revelar a sua verdadeira identidade -, Söderberg, Rubino, Palm e Hjertstedt acusavam o seu antigo companheiro de banda de não lhes dar parte dos lucros relacionados às digressões e aos lançamentos dos álbuns. Por seu lado, Forge sempre defendeu que Ghost tratava-se de um empreendimento seu e que sempre pagou os devidos salários aos quatro membros que executavam apenas tarefas de sessão.

Pela manhã de 17 de Outubro, o tribunal de Linköping, num documento de pouco mais de 100 páginas, arquivou o processo e ordenou que os quatro músicos pagassem os custos legais a Tobias Forge. Enquanto Forge reclamava cerca de 193.000€, o tribunal ordenou um ressarcimento de aproximadamente 125.000€.

Söderberg, Rubinho, Palm e Hjertstedt têm agora três semanas para recorrer. Martin Persner foi o único Nameless Ghoul que optou por não fazer parte desta acção judicial.

Continuar a ler

Facebook

#UltrajeRadar

Ultraje #17