Lady Beast “Vicious Breed” [Nota: 7/10] | Ultraje – Metal & Rock Online
Reviews

Lady Beast “Vicious Breed” [Nota: 7/10]

677823Editora: Cruz Del Sur
Data de lançamento: 17 Novembro 2017
Género: heavy metal

A Cruz Del Sur pode ser uma editora italiana, mas tem a sua mão em solo norte-americano ao ter já assinado com bandas como Pharaoh, Argus e Crown The Lost, chegando agora a vez dos Lady Beast que, com o seu heavy metal tradicional, lançam o terceiro álbum “Vicious Breed”.

Claramente influenciados pela NWOBHM, Deborah Levine & Cia. constroem com o novo disco 36 minutos de heavy metal lotado de solos energéticos, twin-guitars adocicadas e baixo galopante, ingredientes indispensáveis ao género que perpetuam. Claro que não se trata de nada de novo, mas a diversão e potência são garantidas, não só pelas características atrás apontadas mas também pela vigorosa voz de Deborah, algo feminino que já fazia falta ao heavy metal quando não há álbuns novos de, por exemplo, Christian Mistress.

O início calmo de “Seal The Hex” engana que é um mimo, há o peso de “Lone Hunter”, o lado mais emotivo da power-ballad “Always With Me”, a roqueira “Get Out Of My Way”, as cativantes twin-guitars de “Every Giant Shall Fall” ou a veloz faixa-título – e é assim, numa frase, que melhor se resume este “Vicious Breed”. Poderá soar a algo que já se ouviu antes se alguém da velha-guarda se atravessar com os Lady Beast, mas por certo isso não será um entrave para se abanar a cabeça à moda antiga com som novo.

7/10
Topo