#ChooseUltraje
Diogo Ferreira

Publicado há

-

Foto: Paulo Mendes

A Napalm Records trata-os por alquimistas, enquanto nós, em Portugal, costumamos tratá-los por lobos, mas no final ambas as expressões fazem sentido. Lobos ou alquimistas, os Moonspell actuaram no Campo Pequeno a 4 de Fevereiro de 2017 numa celebração que, já se sabia, originaria um DVD. Entretanto surgiu a ideia para lançar o álbum “1755” (2017) e o lançamento do DVD foi adiado. “Lisboa Under The Spell” será então libertado a 17 de Agosto através da Napalm Records.

O concerto dividiu-se em três partes, assim como o DVD, em que os Moonspell abordaram integralmente os álbuns “Wolfheart”, “Irreligious” e “Extinct”. Inclui-se ainda um documentário da autoria de Victor Castro.

Depois do primeiro excerto com a performance de “Alma Mater”, banda e editora avançam com “Herr Spiegelmann”, que podes ver nesta página.

Notícias

Bloodbath lançam vídeo para “Chainsaw Lullaby”

Diogo Ferreira

Publicado há

-

O aguardado novo álbum dos Bloodbath intitula-se “The Arrow of Satan is Drawn” e será lançado a 26 de Outubro pela Peaceville Records.

A poucos dias desse lançamento, e depois do lyric-video de “Bloodicide”, o projecto de death metal avança com o clip para “Chainsaw Lullaby”, uma proposta audiovisual que nos oferece vislumbres de cenas à filmes de Dario Argento.

Continuar a ler

Notícias

Lucifer’s Child apresentam lyric-video de “Fall Of The Rebel Angels”

Diogo Ferreira

Publicado há

-

Depois de “The Order”, os Lucifer’s Child, projecto que conta com membros de Rotting Christ e Chaostar, avançam com o lyric-video de “Fall Of The Rebel Angels”, que podes ver e ouvir mais abaixo.

O novo álbum do quarteto será lançado a 9 de Novembro pela Agonia Records.

Continuar a ler

Notícias

Caso Ghost é arquivado pelo tribunal de Linköping; Nameless Ghouls pagam custos legais a Tobias Forge

Diogo Ferreira

Publicado há

-

Foto: linkopingnews.se

Para além de o dia ficar marcado pelo lançamento do vídeo para “Dance Macabre”, conhece-se também o desfecho da luta judicial que opunha quatro Nameless Ghouls a Tobias Forge (aka Papa Emeritus, aka Cardinal Copia).

Sobre o processo instaurado em Abril de 2017 – e que levou Forge a revelar a sua verdadeira identidade -, Söderberg, Rubino, Palm e Hjertstedt acusavam o seu antigo companheiro de banda de não lhes dar parte dos lucros relacionados às digressões e aos lançamentos dos álbuns. Por seu lado, Forge sempre defendeu que Ghost tratava-se de um empreendimento seu e que sempre pagou os devidos salários aos quatro membros que executavam apenas tarefas de sessão.

Pela manhã de 17 de Outubro, o tribunal de Linköping, num documento de pouco mais de 100 páginas, arquivou o processo e ordenou que os quatro músicos pagassem os custos legais a Tobias Forge. Enquanto Forge reclamava cerca de 193.000€, o tribunal ordenou um ressarcimento de aproximadamente 125.000€.

Söderberg, Rubinho, Palm e Hjertstedt têm agora três semanas para recorrer. Martin Persner foi o único Nameless Ghoul que optou por não fazer parte desta acção judicial.

Continuar a ler

Facebook

#UltrajeRadar

Ultraje #17